terça-feira, 13 de abril de 2010

DR. SARKOZY


Cena clássica do filme Dr. Estranho (1964), de Stanley Kubrick (nome original_e muito mais legal_: Dr. Strangelove or: How I learned to stop worring and love the bomb)

Ontem, o presidente francês Nicolas Sarkozy disse que a França não irá abrir mão das armas nucleares, pois isso poderia enfraquecer a segurança do país. Segundo ele, o mundo ainda não é um lugar suficientemente seguro para que tal atitude seja tomada.

Agora eu pergunto: quando o mundo será considerado seguro, se os amedrontados continuam empunhando armas, tremendo da cabeça aos pés, com o dedo no gatilho?

Com medo de atentados, todos acabam se tornando potencialmente terroristas.

Leia a matéria completa: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!