segunda-feira, 1 de abril de 2013

"Sei que isso soa estranho. Mas tais ideias me ocupam cada vez mais, e preciso de cada vez mais esforço para voltar ao cotidiano."

Milva, quando ela ainda era bem jovem
(conto do alemão Ingo Schulze publicado na coletânea Celular).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário!